Portugal

Porquê escolher MICHELIN?

MICHELIN Power Research Team:

Michelin 21 mai 2010

MICHELIN Power Research Team

Todos os recentes desenvolvimentos tecnológicos de pneus de moto provêm directamente da competição.

O primeiro pneu slick a tecnologia radial, a introdução da sílica, os pneus multiborracha... A MICHELIN nunca deixou de inovar na sua ânsia de êxito na competição. Desde 1973, a MICHELIN conseguiu 360 vitórias e 26 títulos em Grandes Prémios, 12 títulos de Superbike a nível mundial e 13 títulos do Campeonato Mundial de Resistência: uma história que reflecte a dedicação da MICHELIN ao desenvolvimento de pneus de moto.

A história demonstra que todos os recentes progressos tecnológicos de pneus de moto provêm directamente da competição e da concorrência constante entre fabricantes de pneus. Por este motivo, a MICHELIN chegou ainda mais longe criando o MICHELIN Power Research Team: o laboratório com rodas mais rápido do mundo dedicado às corridas.

Apresentação

A moto da MICHELIN Power Research Team (MPRT) competirá em duas rondas do Campeonato Mundial de Resistência de 2010: as 24 Horas de Le Mans e o Bol d’Or.
Assim como em 2009, a Honda CBR 1000 RR azul da equipa estará equipada com uma série de sensores e será pilotada pelos pilotos de provas William Costes, Hugo Marchand e Josep Monge.
Este ano, a equipa é dirigida por Bernard Cazade. Este antigo piloto de resistência e velocidade possui um bom conhecimento do mundo da resistência graças à sua experiência como treinador de pilotos na equipa CDS Racing.
O programa do MICHELIN Power Research Team para 2010 também inclui duas rondas do Campeonato Italiano de Velocidade, com Hugo Marchand representando ao MPRT em Mugello e Imola.

Objectivos

A missão do MPRT é reunir o maior número possível de dados objectivos nas condições extremas que só existem nas corridas. Este trabalho contribuirá para o desenvolvimento de novos pneus de corridas e desempenhará uma parte activa no design dos pneus de corrida do futuro. A preparação da moto é responsibilidade de DAFFIX Racing.

Os pilotos

Josep Monge (ESP)

O espanhol Josep Monge, de 30 anos, conta com uma sólida experiência no mundo das corridas. Ficou em quinto lugar no Campeonato de Espanha de Fórmula Extreme em 2005 e, desde então, tornou-se num fixo da equipa de testes de Michelin.
  • Doze participações nas 24 Horas de Barcelona
  • Duas participações nas 8 Horas de Albacete (ficou terceiro em 2006, com Folch Endurance)
  • Duas participações nas 24 Horas de Le Mans (2008, com MV Agusta)
  • Duas participações no Bol d’Or (com National Motos em 2008)

William Costes (FRA)

O francês William Costes, de 37 anos de idade, possui uma sólida experiência em corridas de moto especialmente em provas de resistência.

  • Campeão do Mundo de Resistência em 2004, com GMT 94
  • Dez participações nas 24 Horas de Le Mans (quatro vitórias: 2000, 2005, 2007 e 2008)
  • Nove participações no Bol d’Or (uma vitória: 1996)

Hugo Marchand (FRA)

Apesar de contar com menos experiência que os seus colegas, o francês Hugo Marchand é realmente rápido. Também é o membro mais novo da equipa, com apenas 29 anos.

  • Quatro temporadas em MotoGP 250
  • Duas participações nas 24 Horas de Le Mans (com National Motos em 2008)
  • Uma participação no Bol d’Or (2007, com Kawasaki França)

 

Mais informação sobre a nossa participação em competição

O responsável da equipa de competição Michelin descreve a missão do MICHELIN Power Research Team para esta temporada.

O MICHELIN Power Research Team participará em quatro corridas em 2010: duas no Campeonato Mundial de Resistência e outras duas no Campeonato Italiano de Velocidade. - Quais são os motivos deste programa?

Naturalmente, uma das nossas funções consiste em tomar decisões. No ano passado conseguimos compilar uma quantidade considerável de dados relacionados com o rendimento dos nossos pneus em corridas de resistência, pelo que não precisavamos de disputar todo o campeonato em 2010. Sendo assim, o programa de resistência da equipa levar-se-á a cabo em Le Mans e no Bol d’Or, pois estas duas provas, para além de serem duas das corridas mais lendárias do mundo, permitem-nos compilar a maioria dos dados, incluindo a rodagem com tempo frio e húmido. Igualmente, são as corridas de resistência mais famosas do mundo do motocilismo, de modo que a nossa equipa de vendas também usufrui do impacto que tem nos meios de comunicação, que é obviamente positivo para promover os nossos pneus. Por outro lado, pelo segundo ano consecutivo, estaremos presentes no Campeonato Italiano de Velocidade. Esta prova é um dos nossos principais objectivos da temporada e, na realidade, dos próximos anos. Necessitamos compreender melhor como funcionam os nossos pneus num campeonato tão exigente, para podermos produzir produtos mais competitivos, com o objectivo de satisfazer as necessidades das nossas equipas. Com esta ideia em mente, Hugo Marchand correrá em Misano e Imola na categoria de Superbike, e também se programaram uma série de ensaios ao longo do ano.

- Que objectivos se marcaram para esta temporada?

Em termos puramente desportivos, o MPRT tentará obter os melhores resultados possíveis e adoraríamos terminar no pódio. Contudo, para além dos resultados no circuito de corridas, a missão principal da equipa será, mais uma vez, recopilar dados técnicos objectivos. Quantos mais dados tivermos, mais poderemos acelerar o processo de desenvolvimento para poder desenhar os novos produtos que fornecemos às nossas equipas em todas as diversas disciplinas. Este trabalho também nos fará ser mais competitivos.

Pode seguir os resultados do MICHELIN Power Research Team em MotoRacingLive.com
Loader