Profundidade do piso do pneu e limite legal

Um pneu é concebido para responder a requisitos de performance. Mas quando ultrapassa um determinado nível de desgaste precisa de ser substituído. Qual é a função do piso? Até que nível de desgaste é que o pneu permanece eficiente? E qual é, em termos legais, a profundidade mínima do piso para substituir os seus pneus? Encontre as respostas a todas as suas perguntas.

A performance de um pneu

As funções principais de um pneu são de transportar uma carga e permitir que o veículo acelere, trave e vire. Para além destas funções, um pneu é escolhido pela performance pretendida, que é relativa de acordo com a sua utilização.

A forma como um pneu é concebido vai influenciar a sua performance em diferentes condições. Para obter uma performance específica, é o piso que desempenha um papel decisivo.

As ranhuras da escultura na superfície do piso são essenciais para a sua performance. Dependendo do seu design, tornam-se mais eficientes em determinadas condições, com neve, com piso seco ou molhado.

A profundidade do piso do pneu também influencia a performance. Por exemplo, é importante para a drenagem de água ao conduzir em estradas com piso molhado. Isto garante que o pneu mantém o contacto com o solo e evita o efeito de aquaplaning a velocidades mais elevadas.

tyre tread water

Qual é a profundidade do piso de um pneu novo?

Depende dos pneus e da escolha do fabricante, mas existe uma informação que importa reter: o padrão do piso deve ser suficientemente espesso para garantir uma vida útil prolongada do pneu.

Contudo, se o piso é demasiado profundo, também vai consumir muita energia durante a condução e, por conseguinte, combustível, devido ao calor libertado pela borracha quando se deforma.
É por esse motivo que a profundidade do piso do pneu é concebida pelo fabricante, para encontrar o melhor equilíbrio entre a vida útil do pneu e o consumo de combustível relacionado com os pneus. 

Qual é o limite legal dos pneus em termos da profundidade do piso?

A profundidade mínima do pneu é de 1,6 mm. Isto significa que é imperativo substituir os pneus assim que é atingido este limite, para evitar comprometer a sua segurança e transgredir a lei. 
Mas também significa que é prematuro substituir os seus pneus antes deste limite. Este parágrafo explica como verificar se já foi atingido o nível de desgaste. 

Na MICHELIN, concebemos pneus com performance feita para durar. Ou seja, os pneus conseguem oferecer uma excelente performance até ao último quilómetro, quando é atingido o limite de desgaste. Existem dois principais motivos para a MICHELIN otimizar a longevidade dos seus pneus: trocas de pneus menos frequentes garantem maior economia e sustentabilidade. É por este motivo que a MICHELIN concebe pneus com uma boa performance até atingir a profundidade mínima do piso. 

Verificação do piso do pneu

Os profissionais usam uma ferramenta concebida especialmente para verificar o limite legal do piso dos pneus, denominado de medidor de profundidade do pneu. Se não tiver um equipamento semelhante, pode verificar facilmente o nível de desgaste do seu pneu graças aos indicadores de desgaste, que estão identificados nos pneus MICHELIN com o pequeno homem Michelin.

Quando o nível de desgaste do piso atinge os indicadores de desgaste (que definem o limite legal do pneu), é chegado o momento de substituir o pneu.

pn007216

Encontre os pneus Michelin perfeitos para si em segundos