Danos no flanco do pneu: o que deve fazer?

Em determinadas condições, o flanco do pneu pode ficar mais ou menos danificado. Que tipo de dano? Quando ocorre? O que fazer? Como pode ser evitado? Neste artigo, respondemos a estas perguntas. 

Que tipos de danos no flanco do pneu podem ocorrer?

Existem 6 principais categorias de danos no flanco do pneu:

1 - Cortes no flanco do pneu

Podem surgir arranhões no flanco dos seus pneus. Se foram vários e/ou bem evidentes, deve solicitar a um profissional que verifique os seus pneus. 

2 - Arranhões e fendas no flanco do pneu

Um corte no flanco do pneu pode ser mais ou menos profundo. A gravidade do corte vai depender disso. Mas é difícil para um não especialista avaliar a sua profundidade.

  • Se o corte for profundo, pode ter danificado a lona da carcaça que se encontra debaixo da borracha e ajuda a conter a pressão. Se a lona da carcaça estiver danificada, existe o risco de uma perda súbita de pressão. Neste caso, o pneu não é reparável e precisa de ser substituído.
  • Se o corte não for demasiado profundo, poderá não ser um perigo imediato, mas pode escalar e afetar a sua segurança.


Tenha em atenção que este tipo de pneu deformado tanto pode ocorrer no flanco interior (invisível quando examina o seu veículo) como no flanco exterior do pneu.

Por este motivo, depois de conduzir sobre elementos afiados (p. ex., pedras afiadas), é recomendável mandar verificar os seus pneus para garantir que não apresentam cortes.

3 - Barrigas e bolhas no flanco do pneu

“Quando o seu veículo embate num lancil, seja de frente ou em ângulo, ou passa num buraco, pode surgir uma barriga no flanco do pneu.

É semelhante a uma bolha que se forma no flanco do pneu.

É provavelmente um dos sinais mais alarmantes, já que constituí um perigo real."

Pneu danificado por um buraco

Passar sobre um buraco também pode causar uma barriga no flanco do seu pneu. Tente evitá-los quando surgirem na estrada!

Se atingir um lancil ou um buraco, deve solicitar a verificação dos seus pneus para comprovar se ficaram ou não danificados.

Porque motivo a barriga no pneu é perigosa?

O surgimento de uma bolha no flanco do pneu significa que a lona da carcaça, atrás da borracha foi perfurada. Isto potencia uma perda rápida de pressão se a bolha rebentar. Se isto ocorrer a uma velocidade elevada, por exemplo, enquanto conduz na autoestrada, a perda repentina de ar no seu pneu, pode originar a perda de controlo do seu veículo e resultar num acidente.

Tal como acontece com os cortes, as barrigas tanto podem ocorrer na parte interior como exterior do pneu. Isto significa que poderá não estar visível quando examinar o seu veículo. Contudo, quando se forma uma barriga no pneu, é frequente sentir vibrações anormais. Este é um sinal que não deve ser ignorado, sendo de extrema urgência solicitar a verificação dos seus pneus por um profissional. 

As lombas de velocidade podem danificar os pneus e causar barrigas?

Não. Como incluem uma inclinação para subir e descer, podem danificar as suspensões, mas não o pneu.

4 - Fissuras no flanco do pneu

As fissuras no flanco são um sinal de envelhecimento dos seus pneus, bem como da sua exposição ao sol e ao ozono.

Pode também ser resultante da limpeza do flanco dos pneus. Se utilizar químicos para deixar os pneus brilhantes, a sua ação pode remover os agentes de proteção, originando o aparecimento precoce de fissuras nos pneus.

O aparecimento de fissuras no flanco do pneu é um aviso de que o pneu está próximo do seu fim de vida útil e deve preparar a sua substituição. Pode consultar um profissional para aconselhamento. 

5 - Ligeira deformação do flanco do pneu

É bastante normal verificar ligeiras deformações nos pneus radiais (a maioria dos pneus), mas isto não afeta a sua performance. O flanco dos seus pneus é feito de vários componentes, incluindo telas (têxteis ou metálicas).

É frequente notar-se uma ligeira deformação na posição onde as telas ficam sobrepostas.

6 - Furo no flanco do pneu

Quando o piso do pneu (a parte que está em contacto com a superfície do solo) fica furado (por exemplo, por um prego), é reparável.
O orifício é enchido e assim que o pneu volta a ser montado, pode voltar a conduzir com a mesma performance.

Contudo, no caso do flanco do pneu é diferente. Se o flanco sofrer um furo ou um corte, é impossível reparar o pneu e recuperar as suas qualidades de deformação, necessárias para uma performance otimizada. Nestes casos, é necessário substituir o pneu.

map search desktop

Encontre pontos de venda de pneus perto de si em segundos

Automóvel
  • Automóvel
  • Moto
Automóvel
  • Automóvel
  • Moto
Localizar-me

Como prevenir danos no flanco do pneu

tyre sidewall damage
  • Comprove que os pneus têm a pressão de enchimento recomendada (geralmente, encontra esta informação no manual do seu veículo, ou num autocolante na porta do condutor)
  • Evite bater contra os lancis
  • Evite conduzir sobre os buracos
  • Inspecione os seus pneus regularmente, para verificar a existência de fissuras, cortes, rasgões ou barrigas
  • Evite limpar os flancos dos seus pneus com produtos de limpeza, em especial, os que contenham silicone.

Encontre os pneus Michelin perfeitos para si em segundos