Como interpretar o indicador de desgaste do pneu?

Usar os pneus adequados no seu carro é essencial para permanecer em segurança enquanto conduz. Além disso, garantir que os pneus estão em boas condições é uma parte essencial da manutenção habitual de um carro para uma condução segura. Embora seja necessário ter em consideração vários fatores durante a avaliação da condição dos seus pneus, desde os sinais de desgaste e uso até ao estado do flanco, um dos aspetos mais importantes é a profundidade do piso do pneu.

LISTA DE VERIFICAÇÃO: OS PRINCIPAIS SINAIS DE DESGASTE DO PISO DO PNEU

- Um piso que apresenta uma profundidade inferior ao valor mínimo (1,6 mm para automóveis)
- Rasgões, fissuras ou cortes visíveis no flanco do pneu
- Manchas ou descoloração do pneu
- Bolhas invulgares, ou zonas deformadas no flanco, pneu desgastado no lado exterior
- Fio de talão exposto ou danificado
- Piso ou elementos do pneu destacados ou separados 

O que é um indicador de desgaste do pneu?

Os indicadores de desgaste dos pneus são marcações espaçadas ao longo do piso do pneu, para que consiga identificar até onde se desgastou a profundidade do piso do pneu. Nos pneus MICHELIN para automóveis de passageiros, a figura do Boneco Michelin está gravada nos pneus para facilitar a identificação dos indicadores de profundidade do pneu. Desta forma, pode identificar facilmente se o piso está demasiado desgastado quando verificar os seus pneus.

tyre wear indicator 1

Nos pneus mais recentes da Michelin, também pode encontrar outros tipos de indicadores de desgaste do piso mais inovadores, como o Wear2Check.

Assim que o pneu tiver estiver desgastado até ao nível do indicador de desgaste do pneu, o piso atinge o limite legal de desgaste dos pneus de 1,6 mm e precisa de ser substituído. 

tyre wear indicator 2

Como posso verificar a profundidade do piso do pneu através do indicador de desgaste do pneu?

Encontre um local onde possa aceder facilmente aos seus pneus, ao estacionar numa superfície plana e num espaço amplo, de preferência, sem trânsito, como no espaço de sua casa ou num parque de estacionamento. Desligue o motor, e certifique-se de que o travão de mão está acionado.

Localize os indicadores de desgaste dos pneus para saber se já atingiu o limite legal da profundidade do piso. Se necessário, use um medidor de profundidade do piso para verificar com precisão qual a profundidade atual do piso. Esta é uma ferramenta simples, concebida para medir o piso dos pneus dos carros. Verifique em diversas zonas, à volta de todo o pneu, em caso de desgaste irregular. 

tire wear indicator 3

Enquanto faz a verificação, também pode aproveitar para verificar se os pneus apresentam algum dos sinais de desgaste apresentados na lista de verificação acima. O desgaste dos pneus pode surgir de diversas formas, incluindo na zona central e em pontos isolados.

Regularmente, também deve consultar um profissional para verificar os seus pneus, para que possam inspecionar sinais de danos e desgaste na parte interior e exterior dos pneus. 

Consulte também o nosso artigo sobre como verificar o piso dos seus pneus.

Quando devo substituir os pneus?

Embora possa parecer uma boa ideia substituir os seus pneus quando se começam a desgastar e ainda antes de atingirem o limite legal da profundidade do piso, é uma solução dispendiosa, desnecessária e que pode ter um impacto negativo no ambiente. Desta forma, a Michelin continua a inovar para oferecer pneus que possam ser usados com segurança durante o máximo tempo possível, até atingirem o limite legal de desgaste do piso. Graças à Performance Feita para Durar da MICHELIN, a excelente longevidade apresenta um nível de performance elevado, desde o primeiro ao último quilómetro.

Contudo, assim que a profundidade do piso atingir os 1,6 mm, é importante substituir os pneus assim que possível para garantir a máxima segurança na estrada e cumprir a lei vigente. Se identificar algum problema com os seus pneus, ou se achar que estão a ficar desgastados muito depressa, certifique-se de que são verificados por um profissional assim que possível. 

Knowing when to replace your tires | Michelin Garage

Quais são os riscos de conduzir com uma profundidade do piso do pneu reduzida?

Embora o desgaste do piso do pneu seja normal e se torne menos profundo ao longo do tempo, verificar a profundidade regularmente implica antecipar quaisquer potenciais problemas, em especial se verificar que os seus pneus se estão a desgastar de forma irregular ou muito rápida.

Se tiver um piso muito reduzido nos seus pneus, pode sentir mais dificuldades de aderência dos seus pneus à estrada, e pode colocar em risco a sua segurança e a dos outros automobilistas. Esta situação é especialmente problemática com piso molhado, quando precisa de manter a máxima aderência possível na estrada para conseguir manter o controlo do veículo e minimizar os riscos de hidroplanagem.

Além de tornar a condução mais difícil, porque o carro tem menos aderência na estrada, conduzir com pneus carecas, ou seja, com uma profundidade do piso inferior ao limite mínimo legal de 1,6 mm é ilegal e pode incorrer em multa.

Existem causas comuns para um desgaste do piso do pneu prematuro?

É importante relembrar que também existem diferentes tipos de desgaste do piso do pneu, consoante a causa. Deixamos uma descrição exaustiva das causas mais comuns e diferentes tipos de desgaste prematuro do piso dos pneus:

• Pneus com pressão insuficiente: provoca um desgaste do pneu irregular nas extremidades exteriores do pneu
• Pneu com excesso de pressão: origina um desgaste prematuro do piso na parte central do pneu
• Afinação incorreta do sopé: resulta em desgaste do pneu no ombro interior ou exterior do piso

Sempre que isso acontecer, dirija-se à oficina mais próxima e solicite o conselho de um profissional.

banner dealer locator

Encontre pontos de venda de pneus perto de si em segundos

Automóvel
  • Automóvel
  • Moto
Automóvel
  • Automóvel
  • Moto
Localizar-me

O que posso fazer para evitar desgaste do piso do pneu e prolongar a vida útil dos meus pneus?

Como condutor, pode influenciar bastante a velocidade de desgaste dos seus pneus. Por isso é importante ter em atenção alguns fatores essenciais durante a sua condução para aumentar a durabilidade dos seus pneus tanto quanto possível.

Um dos elementos principais é garantir uma pressão de enchimento correta e adequada à carga do carro, sem nunca exceder a capacidade de carga máxima aconselhada pelo seu construtor, dado que isso pode causar uma pressão excessiva nos seus pneus. Esta informação estará disponível no tampão do depósito de combustível, na etiqueta na porta do lado do condutor, no manual do automóvel ou no guia do construtor do automóvel.

Durante a condução, deve evitar travagens repentinas ou acelerações rápidas, bem como evitar uma condução rápida sobre os obstáculos que possam afetar os seus pneus, como buracos, lombas de controlo de velocidade e lancis. Por fim, deve verificar regularmente as condições do seu carro, garantindo que os pneus têm a pressão correta e que as rodas estão alinhadas.

Encontre os pneus Michelin perfeitos para si em segundos